Procurador ataca penduricalhos

Ganhos chegam ao dobro do próprio salário em “vantagens eventuais”

A crítica aos chamados “penduricalhos”, que fazem os salários no Judiciário alcançarem cifras bem acima do teto constitucional para o serviço público (hoje de R$ 33.763), é a bandeira do procurador federal Carlos André Studart, que decidiu elaborar um levantamento que mostra as remunerações que ultrapassam, e muito, o teto.

Studart alerta que o Judiciário pode ficar ainda mais oneroso aos cofres públicos caso seja aprovada pelo Congresso Nacional a reforma da Lei Orgânica da Magistratura (Loman), que prevê a criação de mais privilégios à magistratura, como o adicional de até 35% por tempo de serviço – a cada cinco anos trabalhados são 5% de reajuste. O anteprojeto prevê também a criação de auxílios creche, alimentação e transporte aos magistrados. Há ainda a sugestão de que o poder de reajustar os salários dos integrantes da Corte seja transferido do Congresso para o STF.

Com o subsídio de R$ 28.280, o salário final de um dos juízes chegou a R$ 85.322 num único mês. Studart cita ainda a longa lista de benesses criadas para inflar ainda mais os supersalários dos magistrados: auxílio-educação, auxílio-livro, auxílio-transporte, auxílio-moradia, auxílio-saúde e muitos outros, rotulados com caráter indenizatório […] Saiba mais

Leia também:

Magistrados querem auxílio-educação de até R$ 7,25 mil

Pezão sanciona auxílio educação para promotores aposentados

Remuneração dos magistrados paulistas

Presidente do TJ: “Não dá pro juiz ir toda hora comprar terno em Miami”

Juízes aposentados vão receber auxílio-alimentação

Presidente do TJ quer reajuste à alimentação dos magistrados

One Comment to “Procurador ataca penduricalhos”

  1. Alguém acha que os Juizes conseguem todos esse benesses pelos seus lindos olhos? A realidade é que os políticos, governantes estão com o “rabo preso” e assim os magistrados e o ministérios público fazem a festa. Uma maneira de “comprá-los” quando forem, se forem julgados. Inteh.

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: