Amafresp compensa? (2)

Mesmo com aux. ressarcimento, plano top da Unafisco custa mais que Amafresp

Com base na campanha para adesões até 20/12/2014 da Unafisco Saúde (Plano de saúde dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil), o BLOG do AFR elaborou comparativo dos planos Soft e Premium com o da Amafresp, por faixa etária.

O objetivo desta publicação é de auxiliar na análise e decisão, especialmente dos colegas que tem dúvida na escolha. De outro modo, poderá servir, inclusive, se for o caso, para reivindicar ajustes e aperfeiçoamento da tabela junto à nossa associação. Confira:

planos.compara

(1) Rede contratada diretamente (médica, paramédica e odontológica) , Rede complementar Unimed (intercâmbio nacional), Rede complementar Uniodonto (intercâmbio nacional).

(2) Unimed básica (intercâmbio nacional) e Gama Saúde básica.

(3) Além da Rede Credenciada e do atendimento através da UNIPLAN (Unimed Nacional), oferece Convênio de Reciprocidade (formado com as entidades do Fisco de outros Estados para atendimento médico-hospitalar de urgência/emergência). Cota Out/14: R$ 385,00.

(4) O auxílio ressarcimento é um benefício indenizatório concedido aos Servidores Públicos da Administração Pública Federal, ativos, inativos e pensionistas que contratarem plano de assistência à saúde suplementar (nos limites estabelecidos pelo Governo Federal) desde que atendam às exigências contidas no termo de referência à Portaria Normativa SRH/MPOG nº 5 de 11 de Outubro de 2010.

Fontes de consulta:

Amafresp

Unafisco Saúde

Leia também:

Amafresp compensa?

Amafresp – Proposta para alterações

Duplicidade de tabelas da AMAFRESP? (Guto Sanches]

 

One Comment to “Amafresp compensa? (2)”

  1. Entendo que a tabela merece reparo para demonstrar que na faixa >59 anos e no campo amarelo (AMAFRESP) o valor é apenas 2,5 cotas, pelo desconto (a respeito do qual manifesto minha discordância) vigente e implementado para a arrasadora maioria dos ocupantes da faixa etária.
    Só assim ficará claro que, proporcionalmente, o plano da AMAFRESP cobra mais da faixa etária 29-43, que assim suporta o ônus da receita perdida com o desconto citado acima, que a meu ver não poderia existir.
    Vale lembrar: conceitualmente o valor pago no passado já foi consumido no passado (mesmo que não prestado o serviço – neste caso mesmo que não usada a cobertura). Não havendo na contabilidade do plano uma conta com “superavit acumulado pelo excesso de cotas pagas e não utilizadas pelos segurados no últimos 10 anos” não há justificativa econômica, contábil ou financeira para a concessão do desarrazoado desconto.

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: