Greve na Unicamp adia volta às aulas

Em greve há 63 dias, volta às aulas só em 1º de setembro

A greve de professores e funcionários fez a Universidade Estadual de Campinas adiar o início das aulas da instituição, previsto para a próxima segunda-feira, 4. A previsão da reitoria é usar o mês de agosto para reposição de classes e retomar as atividades acadêmicas apenas em 1º de setembro.

De acordo com o comunicado da reitoria, divulgado nesta quarta-feira, 16, a normalização das atividades da Unicamp ainda depende da conclusão do primeiro semestre letivo.

Cerca de 30% das notas das turmas de graduação e de pós ainda não foram lançadas no sistema de registro acadêmico da Unicamp. Não há perspectivas para o fim da paralisação, que já dura dois meses. Docentes e servidores, de braços cruzados contra o congelamento de salários das categorias, prometem endurecer o movimento a partir da próxima semana. A Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Estadual Paulista (Unesp) ainda não se manifestaram sobre mudanças de calendários.

A próxima negociação salarial entre o fórum de entidades sindicais das universidades e o conselho de reitores das estaduais será feita somente no dia 3 de setembro […] Saiba mais

Leia também:

USP, 80 anos

Greve dos professores

Servidores de universidades federais entram em greve

Governador do Piauí corta ponto dos fazendários em greve

Tags:

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: