Vale a pena ler de novo: Classe de Gérson

Alexandro Afonso

Episódios recentes de nossa vida sindical em busca de valorização e reconhecimento nos levam a profundas reflexões, ou ao menos deveriam. Recentemente o CAT chamou o presidente do Sinafresp para uma conversa onde fez a seguinte oferta, conforme as poucas informações recebidas sobre esta reunião: Oferece o fim da função básica retroativa a novembro de 2011, e, pede uma suspensão das manifestações externas à SEFAZ, o que foi entendido como suspensão de uma a duas semanas nas saídas dos prédios da SEFAZ no estado todo mais o fim dos apitos, que por si só é questionável para uma classe típica de estado. E, nas palavras dos próprios conselheiros, não se exigiu o fim das reuniões nos pátios internos à SEFAZ. Evidente que ocorreu uma abertura por parte do governo/administração para início de negociação, frente aos sucessivos “Não”s recebidos pela classe semanas antes […] Frente a esta situação, o sindicato decidiu analisar se a contrapartida proposta pela administração era muito ou pouco para o que estavam dando (função básica). Decidiu-se que não sair do prédio e parar de apitar era muito, e em decisão contestável do conselho de representantes, ficou certo que a pauta de reivindicações deveria ser alterada […] Leia o artigo completo

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: