Comunicação é ferramenta de disputa de poder

charlesalcantaraCharles Alcantara

“A comunicação tem valor estratégico no movimento sindical. De modo geral, ainda há uma baixa compreensão do valor estratégico da comunicação. Comunicação não é um simples instrumento de transmissão de informação, de notícia. A comunicação é uma poderosa ferramenta de disputa de poder, de disputa de hegemonia”

A constatação da importância política da comunicação sobrevém das recentes e históricas conquistas dos auditores e fiscais de receitas do Pará, como sonhada a Lei Orgânica do Fisco, em 2011. Alcantara, é dono de currículo que apresenta experiências como coordenador de campanhas políticas emblemáticas no Estado e em Belém e com estreita ligação com a área de comunicação dos movimentos sociais. Na última quinta-feira (28), no XVI Congresso Nacional do Fisco Estadual e Distrital (Conafisco) o presidente do Sindifisco Pará tomou posse como diretor de Assuntos Técnicos e Comunicação da FENAFISCO  […] Leia mais

Leia também:

Sindifisco Pará transmite AGE ao vivo

O decreto fura-greve de Dilma

Agora é lei: governador sanciona a Lei Orgânica do Fisco do Pará

Governador do Pará recebe Sindifisco

Tags:

One Comment to “Comunicação é ferramenta de disputa de poder”

  1. Subscrevo e repito as palavras do Charles Alcântara: “A comunicação é uma poderosa ferramenta de disputa de poder, de disputa de hegemonia”, diz. É a mais pura verdade.
    A postura crítica dos integrantes da classe, sobretudo dos seus entes representativos, é fundamental para dar relevância ao seu papel social e para motivar reconhecimento. É do exercício dessa postura que resulta o respeito da sociedade e do próprio governo em relação à classe.
    Estamos defendendo essa ideia há muito tempo aqui em São Paulo, embora nem sempre bem compreendidos.
    Infelizmente, temos relegado essa ferramenta durante décadas. Havia um certo receio de bater de frente com a Administração Tributária, em defesa da sociedade, como se isto pudesse nos trazer algum dano à carreira. É exatamente o oposto, pois quanto mais e melhor nos posicionarmos, mais respeito granjearemos da própria AT.

    Aliás, ao ler a notícia original (no Leia Mais linkado), parece que o Charles Alcântara deixa entrever, nas entrelinhas, essa mesma impressão. Diz a notícia: “De imediato, numa primeira análise, ele acredita que Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraíba estão entre as vivências nas quais pretende se inspirar para realizar transformações no setor.” Observem que, sabiamente, ele omite São Paulo. O moço é inteligente.

    Aqui em São Paulo, creio que o Blog do AFR — criado pelo Teo Franco logo após afastar-se do Sindicato exatamente por discordar da sua postura nesse tema — tem tido extrema importância no sentido de despertar a consciência da classe. E sem a força econômica e a estrutura administrativa de nenhuma entidade. O Teo é pioneiro nessa luta.

    Os sindicatos devem posicionar-se altivamente, firmemente, com críticas qualificadas, e sem grosserias. Sempre em defesa da sociedade, da qualidade tributária, exigindo o devido reconhecimento e respeito por parte do governo. Daí a importância da boa comunicação, arte na qual parece que o Charles Alcântara é mestre. Oxalá a sua presença na FENAFISCO traga novo vigor e nova postura crítica e construtiva aos nossos sindicatos estaduais. Sucesso nessa nova empreitada.

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: