Tarifa de ônibus, manifestações e impostos

Transporte coletivo “é caro, ineficiente e não é adequado” e falta desoneração de impostos municipais e estaduais

A ministra da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência, Ideli Salvatti, disse nesta sexta-feira (14) que o governo está preocupado com a situação do transporte público no País. Em várias cidades, o aumento das tarifas tem gerado protestos. Segundo a ministra, o transporte coletivo no Brasil “é caro, ineficiente e não é adequado à necessidade da população”.

Ideli disse que a edição da MP (Medida Provisória) 617, que trata da desoneração dos tributos federais para transporte coletivo, já evitou um aumento da tarifa acima da inflação na capital paulista, mas ressaltou que é preciso que estados e municípios também diminuam os impostos que são de sua competência.

Não tem impacto suficiente desonerar apenas os impostos federais. Para ter um impacto efetivo, teria de ter medidas complementares de desoneração de impostos municipais e estaduais […] Leia mais

Leia também:

Desoneração da Cesta Básica – Enfim uma boa ideia

Por que os milionários pagam menos tributos?

A regressividade como causa do aumento da carga tributária

2 Comentários to “Tarifa de ônibus, manifestações e impostos”

  1. Transporte coletivo é “caro” no mundo todo. O que varia é o subsídio maior ou menor do Estado, de acordo com o interesse.

  2. O Vandalismo….Almentaram a Tarifa do onibus e trens de r$3,00 Para 3,20.
    Vocês ainda acham errado ? A Causa da Manifestação é só por isso !

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: