Archive for março 24th, 2013

março 24, 2013

O argentino, o português e o fiscal

HUMOR

Num país distante, um português chamado Salim encontra um argentino para fechar negócio:
– Eu compro todo o zeu garregamento de jaquetas de couro, mas zó ze vor bor um brecinho menor.
E o argentino: – Menor precio sólo si no hay emisión de la nota fiscal.
Negózio fechado, bode mandar dezgarregar!
O Salim fica olhando satisfeito o caminhão ser descarregado.
Nisso, chega o fiscal e pede a nota.
O Salim “explica”: – Aconteze o zeguinte: eu vai vender ezza mercadoria.
Estou garregando o gaminhão bara ver quanto cabe e boder colocar o valor na nota.
– É mesmo? Tá esquisita essa sua explicação sr. Salim – diz o fiscal.
– Ah! guer zaber de uma coisa? Salim estar de zaco cheio, não vender mais nada – e apontando para o caminhão – manda dezgarregar tudo!
– Fica assim então, eu vim aqui pra olhar a sua nota fiscal, mas como não tem, então, eu vou ter que fazer uma contagem em todo o estoque “do seu lojinha”.

Moral da história: Como diz o ditado popular “Para malandro, malandro e meio

Leia também:

A Verdadeira Autoridade

A Apreensão

Tags: