Mandante do atentado contra auditor fiscal é condenado a 20 anos

O crime ocorreu em 2008, em Fortaleza, contra o então chefe da Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho da Receita Federal, Jesus Ferreira

O Tribunal do Júri acatou a denúncia feita pelo MPF (Ministério Público Federal) e condenou a 20 anos de prisão em regime fechado o empresário iraniano Farhad Marzivi, 50, conhecido como “Tony”, por tentativa de assassinato. A decisão foi anunciada no final da noite desta terça-feira (23) pelo juiz Danilo Fontelle Sampaio, da 11ª Vara Federal.

O atentado contra o auditor fiscal aconteceu em 9 de dezembro de 2008, no bairro de Varjota, em Fortaleza. Jesus ia para casa em seu carro quando dois homens em uma moto dispararam contra o veículo. O auditor levou cinco tiros no rosto, sobreviveu, mas até hoje se recupera dos problemas deixados pelo atentado e recebe segurança especial. Outras três pessoas também são acusadas pelo MPF de autoria material do crime, mas o caso ainda está em fase de recurso na Justiça estadual […] Leia mais

 

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: