Desatrelar a remuneração para valorizar a carreira

Danielle Santos

O processo negocial do Governo com os servidores públicos vem sendo, ao longo de diversas Campanhas Salariais, pautado equivocadamente no atrelamento remuneratório de diversas carreiras à dos Auditores-Fiscais da RFB (Receita Federal do Brasil). Propositadamente ou não, o fato é que tal situação acaba por prejudicar a Classe, que se vê limitada ao vislumbrar uma remuneração superior, uma vez que o Executivo usa a justificativa de atrelamento para negar as pretensões dos Auditores.

Exemplo como esse vem da AGU (Advocacia Geral da União) que estuda a possibilidade de remuneração diferenciada atrelada a uma particularidade de sua carreira, a percepção de honorários de sucumbência. Da mesma maneira, os delegados da PF (Polícia Federal) pleiteiam um tempo especial de aposentadoria em função de exercerem uma atividade de risco […] Leia mais

Tags:

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: