Archive for agosto 9th, 2012

agosto 9, 2012

Federais em greve pararam a Avenida Rio Branco

Manifestação reuniu cerca de 3.000 pessoas e parou o trânsito na Av. Rio Branco, no Rio

Os trabalhadores lutam por um reajuste salarial de acordo com a inflação e pedem também a elaboração de um plano de carreira compatível com as necessidades das diferentes categorias. O dia final para os ajustes na Lei Orçamentária Anual é 31 de agosto, data limite também para que sejam feitos as mudanças pedidas pelos servidores, alguns sem reajustes salariais há quatro anos.

A diretora do Sindicato Nacional dos Trabalhadores em Fundações Públicas Federais de Geografia e Estatísticas (ASSIBGE), Suzana Drummond contabiliza as perdas dos trabalhadores da entidade:

No último ano, nós, servidores do IBGE, tivemos uma desvalorização de 19% com a inflação que está aí. Se não houver reajuste em 2013, teremos cerca de 25%. Isso é parte da  política terrorista desse governo contra o servidor público […] Leia mais

agosto 9, 2012

Planilha com os dados dos servidores de São Paulo

O Jornal O Estado de S. Paulo, na Coluna de Fernando Gallo e Daniel Bramatt, noticiou hoje:

Hackers abrem dados fechados do governo de SP sobre salários de servidores

Já comentamos aqui que o governo de São Paulo divulga em formato fechado os salários dos servidores do Estado.
A página tem mecanismo de busca, mas não permite o manuseio dos dados, já que fixa arbitrariamente o critério de hierarquização pela ordem alfabética, o que impede o cidadão de hierarquizar pela coluna dos salários e ver quem foram as pessoas que mais receberam naquele mês, e também não permite a exportação dos dados para um programa de planilha ou banco de dados.
Mas já que Maomé não vai até a montanha, a montanha vai até Maomé.
O que o governo Geraldo Alckmin (PSDB) deveria fazer e não faz, a sociedade civil vai lá e coloca pra funcionar.
Os tão temidos hackers conseguiram jogar os dados numa tabela, que está publicada aqui, que permite exatamente aquilo que os dados abertos almejam: livre manuseio, independência e autonomia do usuário, hierarquização a bel-prazer…
Século XXI, senhoras e senhores! (Fernando Gallo)

O que a Coluna não frisa é que (se) os “hackers” abrem os dados E o jornalão publica, colaborando com a insólita campanha demagógica de invadir a privacidade dos servidores em praça pública. Algo que quer aparentar avanço, no fundo, fere princípios elementares do direito do cidadão, previstos tanto na Constituição quanto na Declaração Universal dos Direitos do Homem, o seu bem maior, a própria intimidade.

Leia também:

O servidor público e a ideologia oculta

Transparência da cortina de fumaça — 1ª Parte

O salário público dos servidores

agosto 9, 2012

No Brasil “quem não deve, teme” e “quem deve, não tem medo de nada”!

TeoFranco

O servidor público, mais uma vez é o bode expiatório dos governantes

Como se não bastasse a publicação na internet dos salários acompanhados dos respectivos nomes, o governo paulista, em nova solenidade, da propalada transparência de gestão, quer, agora, a inspeção do patrimônio PARTICULAR de cada servidor público.

O velho ditado popular “Quem não deve, não teme” não vale mais para o Brasil. Aqui, o cidadão honesto – desde que tenha tido a “infeliz” ideia de optar por trilhar – e se dedicar – uma carreira dentro serviço público – NÃO deve, mas teme ser alvo de bandidos sequestradores, chantagistas, etc., pois tanto os seus proventos já estão nominalmente na rede eletrônica mundial, como, a partir de agora, os seus bens (particulares) também estarão sob suspeição pública.

Enquanto que os malandros oficiais DEVEM mas, NADA TEMEM, vide mensalões e inúmeras outras mazelas da vida política, esta sim pública.

Perguntas:

1 – Receber R$ 86 mil através de conselhos de estatais traz enriquecimento LÍ-CI-TO???
2 – Para fiscalizar não são suficientes a Receita Federal, as Corregedorias (em casos específicos), os Tribunais de Contas, o Judiciário, hoje existentes?
3 – A quem interessa essa campanha de desprestígio contra os servidores públicos concursados e de carreira?
4 – Adianta escrever uma nova Constituição Brasileira e explicitar “melhor” o artigo 5º que oferece guarida quanto ao direito à reserva da intimidade, assim como ao da vida privada?

são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação”.

Leia mais: