Transparência ou exposição?

Deveriam analisar melhor estas duas palavras: transparência e exposição

No dia seguinte à divulgação, pareceu que as pessoas não conseguiam trabalhar. O tempo foi perdido para saber quanto a presidente ganha, comparar com o salário do STF, com os ministros. “E porque não divulgaram os salários dos militares?” Era outra pergunta que assombrava a cabeça dos servidores curiosos. Agora quando nos olham já nos julgam: “ganha bem…” ou “pobre coitado, ganha mal…” Diante de tanta exposição, com nome e valores claramente publicados, fica a insegurança.

Minha casa já foi assaltada. Imagino que não sabiam quanto que eu ganhava por mês. Agora o bandido pode fazer uma pesquisa na internet e escolher qual casa que pode dá mais lucro

Não entendo… Para ser servidor público tem que ser aprovado em concurso público. No edital, consta o item da remuneração inicial. A cada reajuste, os valores são publicados no Diário Oficial da União.

Falam que o dinheiro é público. E o meu salário se tornou público. Tudo porque a origem dele é pública. Quando trabalho, tenho direito a receber meu salário. Isso não dá o direito de qualquer cidadão entrar num site e saber qual é a minha situação financeira. Ninguém está me dando salário de graça! Eu trabalhei para merecer! Ou melhor, eu estudei para passar em um concurso para poder ser servidora pública, para poder trabalhar! Tudo está regido na lei.

O meu direito a ser remunerado após um mês de prestação de serviço, quanto que devo receber se tornou público quando do meu ingresso e a cada reajuste que ocorre. Sou a favor da transparência. Sou contra a exposição. [Noemia Monteiro, servidora pública] … Leia mais

One Comment to “Transparência ou exposição?”

  1. Comentar o que? Parece piada de mau gosto. Onde já se viu divulgar o salário de funcionário público para conhecimento do povão em geral (aí incluidos, políticos, empresários, et caterva). Ficarão sabendo quanto custa determinado funcionário e o seu valor. Dá para entender, ou precisa mais, hêhê. E o salário das empresas estatais, (petrobrás, por ex.) afinal o Governo detem o controle, e são pagos também com o dinheiro do contribuinte. Que dizer então das benesses perfeitamente quantificáveis que fazem parte daquele salário base mixuruca da Presidente, dos Governadores, Prefeitos, que não aparecem em lugar nenhum. O salário base desses entes funcionais servem apenas para balisar o teto salarial dos sofridos funcionários. Mas vamos que vamos, desse jeito podemos imaginar para onde pretendem levar o Brasil e os brasileiros.

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: