CNJ investigará todos os juízes do TJ-SP

Objetivo é examinar rendimentos de todos os 354 desembargadores do Estado

A corregedoria do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) vai ampliar suas investigações sobre os rendimentos a todos os 354 desembargadores da corte e também alguns juízes da primeira instância. A corregedoria começou com a análise de casos em que juízes receberam na frente dos colegas pagamentos ligados a pendências trabalhistas que o TJ tinha com eles.

Agora também serão analisados pagamentos de licenças-prêmio que desembargadores receberam pelos anos em que atuaram como advogados no setor privado, verbas corrigidas irregularmente e pagamentos feitos sem emissão de contracheque.

EMBATE – Um dos desembargadores do TJ de São Paulo é Henrique Nelson Calandra, presidente da AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros), protagonista do embate da categoria com a corregedora do CNJ, Eliana Calmon. A entidade pediu que o STF (Supremo Tribunal Federal) restringisse o poder de investigação do CNJ, mas o pedido foi rejeitado em fevereiro […] Leia mais

Tags: ,

2 Comentários to “CNJ investigará todos os juízes do TJ-SP”

  1. A Ministra faz um relevante trabalho no CNJ, que dignifica a sociedade e o próprio Judiciário. Mulher corajosa que está abrindo a caixa preta do Judiciário. Essas investigações ainda vão dar muito o que falar. Certamente é só a ponta do iceberg do judiciário corrupto brasileiro.

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: