Robin Hood às Avessas – Parte V

[…] este efeito castiga quem não merece e privilegia quem não precisa. É estupidamente injusto. […] temos um agravamento do problema da distribuição de renda […] O governo federal vem adotando políticas distributivas de renda, enquanto o estadual, a partir do governo Serra, mais precisamente a partir de 2008, passa a fazer o oposto. É o Robin Hood de verdade, o federal, contra o Robin Hood às avessas, o estadual. E este último age não apenas na contramão do outro, mas até na sua própria contramão, pois se, por um lado, oferece vantagens tributárias (alíquotas menores, isenções, reduções de base de cálculo) para uns poucos produtos da cesta básica, que são consumidos por pobres e também por ricos, por outro lado, onera com margens superiores às efetivas uma infinidade de produtos sujeitos à ST e destinados às classes mais baixas da população […] Leia o artigo de Antonio Sérgio Valente

One Comment to “Robin Hood às Avessas – Parte V”

  1. O problema da ST realmente onera o mais pobre e premia o mais rico. Trata-se de mecanismo de exceção que transformou-se em regra geral e matou todas as vantagens da tributação do valor agregado. Além desta injustiça fiscal (ou social) afeta a eficiência dos negócios. Acho interessante um estudo independente sobre os efeitos da ST na estrutura de capital de algumas empresas: uma amostra que contemplaria empresas dos segmentos da indústria, do atacado e do varejo, de diferentes tamanhos em volume de vendas. Acho que poderíamos procurar entidades patronais, como por exemplo a Fecomércio e a FIESP para a promoção desta pesquisa.

PARTICIPE, deixando sua opinião sobre o post:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: